ESPECIAL

11 de Setembro, o dia que ainda ninguém esqueceu


Foto: Divulgação

11 de setembro de 2001. Uma manhã clara poisava sobre o céu de Nova Iorque numa terça-feira que podia ter sido idêntica a tantas outras. Faltava um quarto de hora para as 09.00 quando se começou a escrever uma das páginas mais negras da História. O maior atentado terrorista de sempre perfurava o coração dos Estados Unidos.

Quatro aviões foram sequestrados por operacionais da organização fundamentalista islâmica Al-Qaeda. As Torres Gémeas do World Trade Center, dois dos edifícios mais altos do mundo e símbolos do poderio económico do país, e o Pentágono foram atingidos.

Três mil mortos. Oitenta nacionalidades. Cicatrizes que o tempo não apaga.

Há 19 anos, os ataques de 11 de Setembro mudaram muito mais do que a paisagem de Nova Iorque. Mudaram o mundo de forma trágica.


Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp

Participe do nosso grupo do Telegram




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM






ESPECIAL  |   11/07/2021 18h46