POLÍCIA

Assassinos do vendedor João Ricardo Arno são condenados a mais de 30 anos de prisão




Foto: Redes sociais

Nesta semana, a Comarca de São Domingos emitiu a decisão que condenou a mais de 30 anos de prisão os dois homens envolvidos no assassinato de João Ricardo Arno, de 35 anos, ocorrido em agosto do ano passado. João era vendedor de carros e foi levar um automóvel para um possível cliente na cidade de Ipuaçu, quando foi assassinado.
 
Se envolveram na morte de João Maicon Vuelma, de 28 anos, e Miguel dos Santos, de 50 anos. Os dois foram condenados por latrocínio (roubo seguido de morte), ocultação de cadáver e por posse ilegal de arma de fogo. 
 
Maicon Vuelma está preso desde o mês de agosto, sendo que foi detido no mesmo dia em que João desapareceu, sendo encontrado com seu carro. Somadas as penas dos três crimes, Maicon foi condenado a 32 anos de prisão. Já Miguel dos Santos, somando a penas, foi condenado a 34 anos de prisão e está preso desde setembro. Amos foram condenados a cumprir suas penas em regime fechado, inicialmente.



Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp

Participe do nosso grupo do Telegram




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍCIA  |   14/04/2021 08h18





POLÍCIA  |   12/04/2021 06h59