ESPORTE

Uruguaio Gastón Ramírez na mira do Grêmio




Foto: Enviado por TGB Sports

Em busca de um meia de articulação, o Grêmio observa o mercado internacional. Na quinta-feira (22), após o empate com o América de Cali, pela Libertadores, Renato Portaluppi declarou que vem cobrando da direção a contratação de um jogador para a função.

"Tenho cobrado bastante da direção, tenho conversado bastante. Sobre o meia, é difícil sempre ter que adaptar alguém no setor. O Jean Pyerre tem tido problemas de lesões. Temos visto alguns jogadores e quem sabe a gente encontre esse meia. Já encontramos, vamos ver se vai ter o acerto financeiro." afirmou o treinador gremista.

O nome é o uruguaio Gastón Ramírez, que completará 30 anos no próximo dia 2 de dezembro. Revelado pelo Peñarol, onde chegou aos 15 anos e fez sua estreia profissional aos 19, em um jogo contra o Defensor,  substituindo o ex-centroavante Tricolor Braian Rodríguez, o canhoto nascido na pequena Fray Bentos, fronteira com a Argentina, está na Europa desde 2010.

Apontado como grande promessa do futebol de seu país, Gastón disputou o Mundial sub-20 de 2009, no Egito, quando a Celeste comandada por Diego Aguirre foi eliminada pelo Brasil, de Paulo Henrique Ganso, Douglas Costa e Giuliano, nas oitavas de final. Como companheiros de seleção estavam Abel Hernández, hoje no Inter, o zagueiro Coates, atualmente no Sporting-POR, e o meia Lodeiro, ex-Corinthians e Botafogo, que está jogando na Major League Soccer.

No Uruguai, fez poucos jogos com a camisa aurinegra, mas foi o grande nome da conquista do torneio clausura de 2010, mais uma vez sob o comando de Aguirre. No total, foram apenas 34 partidas pelo Peñarol, que o vendeu para o Bologna, da Itália, por 3,3 milhões de euros.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM