Portal Faxinal

NOTÍCIAS



O que dá para fazer com o prêmio de R$ 280 milhões da Mega da Virada

29/12/2018 às 12h20

O que você faria com R$ 280 milhões? É com muita vontade de ter essa “preocupação” na vida que milhares de apostadores estão lotando as casas lotéricas atrás da bolada da Mega da Virada. A 10ª edição do sorteio pagará o segundo maior prêmio da história do concurso, atrás apenas da fortuna do ano passado, quando R$ 306,7 milhões foram divididos entre 17 bilhetes. Os seis “números mágicos” serão sorteados segunda-feira, às 20h.

Morador do Centro do Rio, o vendedor Silvio Melo preencheu dois bilhetes da Mega da Virada Ele, que costuma fazer uma fezinha esporadicamente, ficou seduzido pela cifra gorda do sorteio do último dia do ano e já sabe o que fará se começar 2019 milionário.

Eu ajudaria todo mundo que está precisando de verdade. Ia começar pelo meu irmão, meus tios e depois por mim e meus vizinhos daqui da área. Vou fazer o que os políticos não fazem — disse Silvio.

A aposta mínima custa R$ 3,50. Como a Mega da Virada não acumula, se ninguém cravar os seis números sorteados, o prêmio será dividido entre quem acertar cinco números, e assim sucessivamente. A novidade deste ano é que a aposta também pode ser feita pela internet, no site Loterias Online da Caixa — é preciso ser maior de idade, ter CPF válido e cartão de crédito. Quem é correntista da Caixa também pode fazer via internet banking.

Apesar desta facilidade, o termômetro do prêmio ainda são as filas nas casas lotéricas. Apenas na manhã desta sexta-feira, 300 apostadores fizeram seus jogos na loteria que fica dentro da Central do Brasil, onde a fila, muitas vezes, se estende até a saída do prédio. Foi lá que a telefonista Sandra Lima parou para entrar na corrida pelos R$ 280 milhões, antes de pegar o trem para Padre Miguel, na Zona Oeste.

— Eu faço isso há 20 anos e sempre jogo sozinha. Não gosto de bolão. Algumas vezes eu repito os mesmos números da sorte que costumo usar, mas é raro — contou ela.

Na hora de preencher o bilhete, vale repetir o jogo que você já faz há décadas, escolher os dias de aniversário de pessoas queridas, optar por dezenas que lhe tragam sorte... De acordo com a Caixa, os números mais sorteados nos últimos cinco anos foram 36 e 10 (três vezes) e 02, 03, 05, 11, 20, 34, 36, 37, 51, 53 e 56 (duas vezes cada). Mas isso não quer dizer que eles tenham mais chances de serem sorteados.

O bombeiro hidráulico José Carlos Pires, que mora em Inhaúma, não tem ideia do que faria caso fosse o milionário da vez. Ele acredita até que poderia “perder a cabeça”:

— Com toda essa grana, acho que dá até para ficar maluco. Mas prefiro ganhar primeiro para saber o que faria.

A chefe de escritório Marli Lima, moradora de Madureira, pegaria o caminho do aeroporto e nunca mais voltaria.

— Sairia do país, com certeza, porque não está brincadeira, não. Não pensaria nem duas vezes — disse ela, botando fé em seus seis bilhetes.

Para dar uma forcinha à sorte, a dica é ir além da aposta mínima. Quem opta pelo bilhete com 6 números (R$ 3,50) tem uma chance em 50 milhões de cravar o resultado. Com sete números no mesmo bilhete (R$ 24,50), a probabilidade melhora: uma em 7,1 milhões. Quem quiser marcar oito números vai desembolsar R$ 98, mas terá uma chance em 1,7 milhão. Uma aposta com 15 dezenas custa R$ 17.517,50, e a probabilidade de ficar milionário é de uma em 10.003, de acordo com a Caixa Econômica Federal.

No ano passado, os 17 bilhetes premiados eram da Bahia, de Minas Gerais, do Pará, do Paraná, do Rio de Janeiro, de Santa Catarina e de São Paulo. Segundo a Caixa, São Paulo é o estado com mais ganhadores da Mega da Virada. Os prêmios saíram para as cidades de Santa Rita do Passa Quatro (2009), Mauá (2011), Franca (2012), Cerquilho (2015), São Paulo (2012, 2014 e 2017) e Guarulhos (2017). Já as cidades que mais foram premiadas na Mega da Virada são São Paulo (nove vezes: em 2017, foram seis bilhetes premiados; em, 2014, dois; e em 2012, um) e Brasília (três vezes, em 2014, 2011, 2009.

 

Fonte: EXTRA



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

* Fique tranquilo que ele não será exibido junto ao comentário.





VEJA TAMBÉM